Disney,

Viajar Disney – Qual a melhor época para ir a Disney?

Disney. Foto de Leah Kelley

Existem vários fatores que podem influenciar na escolha da melhor época para ir à Disney, como a lotação dos parques, o clima, o preço dos ingressos e as promoções. Veja a seguir um resumo das principais dicas:

  • Para evitar multidões, os meses de janeiro, fevereiro, agosto, setembro e início de novembro costumam ser mais tranquilos nos parques. Por outro lado, os meses de dezembro, março, abril e julho costumam ser mais cheios por causa das férias escolares e dos feriados.
  • Para aproveitar o bom tempo, os meses de outono (setembro a dezembro) e inverno (dezembro a março) são mais indicados, pois as temperaturas são mais amenas e a chuva é menos frequente. Já os meses de verão (junho a setembro) são mais quentes e úmidos, com maior probabilidade de tempestades à tarde.
  • Para economizar dinheiro, os meses de baixa temporada também costumam oferecer melhores preços nos hotéis, nas passagens aéreas e nos ingressos dos parques. A Disney World usa um sistema dinâmico de preços de ingressos, que varia de acordo com a demanda. Por isso, é recomendável comprar os ingressos com antecedência e verificar o calendário de preços no site oficial da Disney.
  • Para curtir as festividades especiais, os meses de outubro, novembro e dezembro são ótimos para ver as decorações e os eventos temáticos de Halloween e Natal nos parques. Além disso, há outras celebrações ao longo do ano, como o Festival of the Arts em janeiro e fevereiro, o Flower and Garden Festival em março e abril, o Food and Wine Festival em agosto e novembro, e o Festival of the Holidays em novembro e dezembro.

Portanto, a melhor época para ir à Disney depende dos seus objetivos e preferências. Se você quer evitar filas e gastar menos, os meses de baixa temporada são mais vantajosos. Se você quer aproveitar o clima e as festividades, os meses de outono e inverno são mais agradáveis. Se você quer ver os parques mais floridos e coloridos, os meses de primavera são mais bonitos. Se você quer sentir o calor da Flórida e se refrescar nos parques aquáticos, os meses de verão são mais indicados.

Como economizar na disney

Existem muitas maneiras de economizar dinheiro na Disney, desde planejar com antecedência até comprar ingressos com desconto, utilizar o transporte público, planejar suas compras e evitar compras desnecessárias. Com um pouco de esforço e planejamento, você pode aproveitar a magia da Disney sem gastar uma fortuna. Aqui estão algumas dicas que encontrei na minha pesquisa:

  • Viaje nos meses de baixa temporada em Orlando. Você vai pagar mais barato em quase tudo e não vai pegar filas e multidões nos parques e outlets.
  • Compre seus ingressos com antecedência em uma agência especializada ou em um comparador de passagens aéreas. Você pode conseguir bons descontos e evitar as longas filas nos guichês
  • Hospede-se em um resort da Disney ou em um hotel próximo aos parques. Você pode economizar no transporte, pois a Disney oferece um sistema gratuito de ônibus, monotrilhos e barcos para os hóspedes dos seus resorts.
  • Leve seus próprios lanches e bebidas para os parques. Alimentos e bebidas podem ser muito caros dentro do parque, então considere levar seus próprios snacks e garrafas de água para economizar dinheiro.
  • Aproveite as atividades e eventos gratuitos que a Disney oferece, como shows noturnos de fogos de artifício, desfiles, festivais e personagens.
  • Compre cartões-presente da Disney com desconto em lojas como Target, Walmart ou Costco. Você pode usar esses cartões para pagar suas compras dentro dos parques, hotéis e restaurantes da Disney.
  • Planeje suas compras com antecedência e evite as lojas de souvenirs próximas à entrada dos parques. Você pode encontrar produtos mais baratos nos outlets, shoppings ou lojas online da Disney.
  • Use o aplicativo My Disney Experience para planejar sua rota estrategicamente, aproveitar as filas single rider, usar o recurso mobile order e o programa rider switch.
  • Use o Wi-Fi gratuito do Disney World para economizar no seu plano de dados e ficar conectado com seus amigos e familiares.

O que fazer em caso de emergência na Disney

A Disney World é um lugar mágico e divertido, mas também pode ser um lugar onde podem ocorrer acidentes ou imprevistos. Por isso, é importante saber como agir em caso de emergência na Disney, seja dentro ou fora dos parques. Aqui estão algumas dicas que encontrei na minha pesquisa:

Em caso de emergências mais graves, como fraturas, desmaios, ataques cardíacos ou convulsões, é preciso acionar o serviço médico de emergência da Disney, chamado Reedy Creek. Você pode fazer isso ligando para o número (407) 824-5555 ou pedindo ajuda a um funcionário do parque. Eles irão enviar uma ambulância para o local e encaminhar a vítima para o hospital mais próximo.

  • Fora dos parques, há diversas opções de atendimento médico na região de Orlando. Você pode escolher entre hospitais, clínicas, farmácias ou serviços de telemedicina. Alguns exemplos são:
    • Florida Hospital Celebration Health: um hospital completo e moderno que fica próximo à Disney. O endereço é 400 Celebration Place, Celebration, FL 34747.
    • Centra Care: uma rede de clínicas que atende casos de urgência e emergência sem necessidade de agendamento. Há várias unidades espalhadas pela cidade, inclusive uma dentro do Disney Springs.
    • CVS Pharmacy: uma rede de farmácias que vende medicamentos com ou sem receita médica. Algumas unidades também oferecem serviços de Minute Clinic, que são consultórios dentro da farmácia que atendem casos simples.
    • Doctor on Demand: um serviço de telemedicina que permite consultar um médico online através de um aplicativo no celular ou no computador. O médico pode prescrever medicamentos, solicitar exames ou encaminhar para um especialista.

Em qualquer situação de emergência na Disney, é importante ter um seguro viagem que cubra as despesas médicas e hospitalares. O sistema de saúde nos Estados Unidos é muito caro e pode custar milhares de dólares se você não tiver um seguro adequado. Além disso, é recomendável levar uma cópia dos seus documentos pessoais, como passaporte, visto e carteira de vacinação.